Sangue vermelho e preto

  Jorge Ben – Hino Do Flamengo  by  marco_sa

Meu orgulho é ser Flamengo, sangue de vencedor
O time do Galinho tem um ídolo treinador
A torcida apaixonada é muito mais que uma nação
O manto é sagrado; o clube, religião

A história é suprema, verdadeira tradição
Ídolos de verdade conquistaram o Japão
Regidos por um gringo, que foi chamado de vovô
Somos hexa com heroísmo, muita boca se calou

Uma muralha veste a 1, respeitem o capitão
Não esqueçam da defesa, pode ser a redenção
Se tentam difamar, logo perdem logo a razão
Lembrem do nosso lema: Raça, amor e paixão

O Maior do Mundo é a nossa casa, o hino é uma oração
Nosso grito invade o campo, ensurdece sem perdão
Muitos sábios se renderam, outros tem salvação
Poetas adversários já abriram o coração

Nosso time é soberano, nossas cores tem valor
Quanta gente tem inveja do Império do Amor
Se você é mais um deles, então preste atenção
Se não fosse seu mau gosto, de quem eu riria então?

“Não, não… Não dá pra definir. É uma série de coisas mágicas. Amor, paixão, isso tudo que faz o Flamengo ser essa religião que é.” – Zico

PS¹: Bandeira retirada do Urublog, melhor blog sobre Flamengo, mantido por Arthur Muhlenberg.
PS²: Não tenho mais informações sobre ano de gravação e em que disco está registrada essa bela versão do hino, cantada pelo mestre Jorge Duílio.

Anúncios

2 pensamentos sobre “Sangue vermelho e preto

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s