Mãe, um milhão de presentes

Escrevi essa letra no ano passado e meu amigo Zé Alves ofereceu-se para a melodia. Ainda não tivemos a oportunidade de gravá-la em estúdio. Então está aí uma bem ruidosa… mas a data é propícia! Fiz em homenagem à minha mãe, no dia que é só dela.

Presentes

(Zé Alves / Marco Antonio Araujo)

não,
você me ensinou
a não abaixar a cabeça pra ninguém
mas…
fez me parecer mais justo
não se vence a qualquer custo
é preciso esperar também

não…
às vezes eu esqueço de ligar
você está pra mim
e pra você…
eu sempre vou estar

um milhão de presentes
não compensariam
o que você já fez por mim
agradeço, não tem preço,
eu sei
meu apreço, não tem preço
eu sei

quando encontrei você
e você me encontrou
dei de presente um sorriso
que você até chorou

Um feliz dia das mães a todas aquelas que amam seus filhos e fazem tudo por eles.

Anúncios

3 pensamentos sobre “Mãe, um milhão de presentes

  1. Já tinha visto mãe coruja, mas filho coruja estou vendo agora. Gurizinho, tua mãe deve ter um orgulho danado de ter você como filho.

    Beijos!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s