O rato roeu

Sempre que eu me sento
desligando o pequeno inferno
os anseios se colidem e
se explodem logo atrás
dos meus olhos

quase nunca esqueço
e revendo os meus planos
absurdos se tornam cada
vez que o tempo em passar
insiste.

não sou o rei de Roma
nem mesmo rei de mim
mas o rato roeu a roupa
roeu tudo que sonhei
pro fim.

Anúncios

2 pensamentos sobre “O rato roeu

  1. Eu leio o título e só consigo pensar em …”o amor comeu minha paz e minha guerra. Meu dia e minha noite. Meu inverno e meu verão. Comeu meu silêncio, minha dor de cabeça, meu medo da morte.”

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s