seu jogo

já paro de fumar e beber café
deixo até de ligar e ouvir sua voz
assim você não pensa que me importo tanto
e eu me importo tanto com você
por você, nós dois.

e quando eu acho que aprendi a jogar seu jogo
você vem como um pássaro que não consigo desviar
detestando o verão como você detesta
até o frio que você detesta
eu aprendi a odiar
em tons de cinza estou a enxergar
o sol que irrita seus olhos

e eu já me visto bem, vê
eu já escuto bem, vê?
eu já vejo o que você vê
eu já faço tudo por você
só não sei ser o seu medo
sei que precisa de colo, não espelho

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s