Bicicleta

já acordo fazendo vista grossa para a solidão
bom dia tristeza nem sempre, fingindo ver o sol
quando ainda nem mesmo amanheceu

subindo escadas invisíveis
a pressa é tanta e as pernas curtas
então tropeço, xingo, troco a música
então vem a lembrança, sorriso
que faz de mim, assim, bicicleta

quando você chega? quando você liga?
hoje é terça, é sexta
será que desliguei a cafeteira?
a viagem é longa, dai paciência
dá-lhe buzina, braço e freio
erro o mesmo caminho da ida na volta
o sol se pôs e a noite nunca mais saiu

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s